As melhores séries e filmes sobre maternidade que você precisa assistir

Melhores séries e filmes sobre maternidade

Enumeramos os melhores séries e filmes sobre maternidade; confira

A descoberta da gravidez traz à mulher novos aprendizados durante a gestação. Além dos livros, as gestantes podem conhecer mais sobre este universo por meio de filmes e séries. Hoje em dia, eles também podem ensinar e dar dicas às futuras mamães.

Algumas produções já têm quase 10 anos. Mas mesmo assim ficaram na memória do público e por isso merecem entrar na lista. É o caso do filme “O Que Esperar Quando Você Está Esperando” (2012), de Kirk Jones.

As melhores séries e filmes sobre a maternidade

  • 11º Lugar – Amy Schumer Growing (2019), Amy Schumer

Neste monólogo, a comediante Amy Schumer fala sobre seu novo casamento, crescimento pessoal, gravidez e os conselhos equivocados de sua mãe. Amy desabafa tudo isso em frente ao público de uma casa de shows em Chicago. O que engloba as alegrias, mas também as dificuldades de ser uma mulher profissional, esposa e mãe no século 21. A produção está disponível no Netflix.

Com a atriz Charlize Theron como a mãe Marlo, e direção de Jason Reitman, o filme conta as dificuldades dela com um filho hiperativo, com necessidades especiais. Mas que os pais não sabem dizer ao certo quais são. Além disso, o marido não divide as responsabilidades, tampouco olha para a filha mais velha.

Para deixar Marlo mais esgotada, ela está esperando mais um bebê. É neste momento que aparece seu irmão, Craig (Mark Duplass), que oferece ajuda. Ele propõe uma babá noturna assim que o novo membro da família nascer. No começo, Marlo resiste, mas aceita a ideia. É quando Tully entra em ação, uma jovem de 20 e poucos anos que passa a cuidar não só da pequena Mia, mas também de Marlo. A partir daí a aproximação é inevitável, e com um desfecho que surpreende a muitos.

  • 9º Lugar – Mais Uma Chance (2018), de Tamara Jenkins

Um casal na faixa dos 40 anos tenta engravidar de diversas maneiras, porém, sem sucesso. A partir daí, eles passam a realizar sucessivas fertilizações. No entanto, quando o dinheiro e outras opções para engravidar se esgotam, chega uma sobrinha deles. Sua presença vai renovar as esperanças do casal, o que inclui cuidar da própria relação que já estava abalada após tantas tentativas de fertilização.

  • 8º Lugar – Embrace (2017), de Taryn Brumfitt

Em tom de documentário, a produção nasceu justamente pela vergonha que a diretora australiana, Taryn Brumfitt, sentia de seu próprio corpo após ter filhos. Ela decide então viajar a outros países e desconstruir padrões de beleza que a mídia impõe. Segundo ela, 91% das mulheres possuem baixa autoestima. A produção apresenta história de mulheres que aprenderam a lidar com a aceitação de seus próprios corpos.

  • 7º Lugar – Supermães (2017), de Catherine Reitman e Aleysa Young

No campo das series sobre maternidade, “Supermães” acompanha a rotina diárias de Kate, Anne, Jenny e Frankie, quatro mulheres que se conheceram em um grupo de mães superexigentes. As histórias têm como pano de fundo a cidade de Toronto. E após o final da licença-maternidade, as amigas precisam encarar a volta ao trabalho. Mas elas se apoiam em como conciliar filhos, carreira e vida amorosa.

  • 6º Lugar – O Começo da Vida (2016), de Estela Renner

Esta série que se aproveita de recursos tecnológicos realiza uma profunda análise dos primeiros 1.000 dias de um recém-nascido. Este tempo é considerado crucial para o desenvolvimento saudável da criança, tanto na infância quanto na vida adulta. Uma curiosidade é que a série contou com filmagens em nove países, incluindo o Brasil. Além disso, todos os episódios evidenciam o cuidado dos pais nos primeiros anos dos filhos.

  • 5º Lugar – O Maior Amor do Mundo (2016), de Garry Marshall

Protagonizada pelas atrizes Julia Roberts e Jennifer Aniston, a comédia cruza histórias relacionadas à maternidade. Sandy é uma mãe solteira com dois filhos, Bradley é pai de uma garota adolescente, Kristin nunca conheceu a mãe biológica, Jesse tem uma relação complicada com os pais, que não aceitam o seu casamento; e Miranda é uma escritora de sucesso que decidiu não ter filhos para se dedicar à carreira.

  • 4º Lugar – Turma do peito (2016), de Alison Bell e Sarah Scheller

A série aborda a vida de Audrey, uma jovem mãe cansada das noites mal dormidas e das preocupações constantes com seu bebê de apenas dois meses. Como ela não pretende ter uma vida baseada só em maternidade, ela decide entrar para um grupo de suporte para pais. É onde ela conhece outras mães que também estão passando por dificuldades na criação dos filhos.

  • 3º Lugar – O Renascimento do Parto (2013), de Eduardo Chauvet

O longa apresenta a dura realidade obstétrica no mundo todo. Isso inclui um número de alarmante de cesarianas. Especialistas em obstetrícia e pesquisadores revelam as consequências perinatais, psicológicas, sociais, antropológicas e financeiras. E que elas são causadas pelo alto nível de partos realizados com intervenções cirúrgicas, além de questionar as escolhas médicas dominantes.

  • 2º Lugar – O Que Esperar Quando Você Está Esperando (2012), de Kirk Jones

Apesar de mais antiga, a produção de 2012 e estrelada por Cameron Diaz, ainda é bastante vista nos canais de streaming. O filme conta a história de cinco casais que serão pais. A fotógrafa Holly e seu marido Alex querem adotar uma criança. Wendy finalmente conseguiu engravidar, mas tem que lidar com a rivalidade do sogro, Ramsey, que está esperando gêmeos com a namorada. Já a dançarina Jules engravida inesperadamente de seu parceiro de dança, Evan. Por fim, a vendedora Rosie descobre que espera um filho de Marco, com quem tem relações casuais.

  • 1º Lugar – Ligeiramente Grávidos (2007), de Judd Apatow

Aqui, a comédia romântica é protagonizada por Seth Rogen e Katherine Heigl. Na história, Alison Scott é uma jornalista bonita e ambiciosa, que está prestes a estrear como repórter de uma grande emissora de TV. Mas seus planos mudam, quando ela conhece o irresponsável Bem em uma festa e os dois passam a noite juntos.

Não há uma continuidade e semanas depois, Alison descobre estar grávida. Ela fica preocupada e decide contar a novidade a Bem. Mas ele ainda não se sente preparado para ser pai. 

Gostaram? Contem para a gente qual item da lista você mais gostou de assistir!

*Foto: Divulgação/ O Renascimento do Parto

Atendimento Belly Home
Enviar via WhatsApp