Cuidados com o bebê no inverno

cuidados-com-o-bebê-no-inverno

Com a queda das temperaturas, chegam também algumas preocupações para as mamães. Sinônimo de clima seco, o inverno cria um ambiente perfeito para a proliferação de doenças respiratórias, que afetam especialmente os bebês com menos de 2 anos. Por isso, é importante tomar alguns cuidados com o bebê no inverno, em particular na hora do banho, nas trocas de roupa e até mesmo no momento de escolher os passeios em família.  

Antes de vestir o seu pequeno para dar uma voltinha, escolha peças de algodão, especialmente aquelas que ficam em contato direto com a pele do bebê, além de quentinho, este tecido evita o aparecimento de brotoejas. As extremidades do corpo também merecem atenção especial, pois perdem calor com mais facilidade, então, não economize na hora de comprar luvas, meias e toquinhas.  

Durante o inverno, a hora do banho também exige cuidados redobrados. Antes de dar tchau para a sujeira, abra o chuveiro para aquecer o ambiente e assim evitar a transição repentina de um ambiente frio para outro muito quente. O horário também faz diferença, escolha o momento mais quente do dia, e se necessário, use um aquecedor de ambientes como apoio.

O ideal é deixar o clima ambiente em torno dos 24 ou 25 graus e a água com aproximadamente 37 graus, do morno para o quente. Ah! E como todo cuidado é pouco, antes de colocar o bebê na banheira verifique a temperatura da água com o dorso da mão.

banho-do-bebe-no-inverno

A pele sensível dos pequenos também merece atenção, o contato com o ar gelado pode deixá-la mais sensível e ressecada. Para evitar esse problema, não deixe que o seu pequeno entre em contato com água muito quente e também procure não dar banhos prolongados, além disso, passe creme principalmente no rostinho do bebê. Antes de escolher uma versão infantil de hidratante, converse com um pediatra, este profissional vai avaliar adequadamente o tipo de pele e escolher a opção certa para o seu bebê.

Outros cuidados com o bebê no inverno

Nessa época do ano são comuns os surtos de doenças respiratórias, que atingem especialmente as crianças e os bebês. Isto ocorre porque os pequenos possuem um sistema imunológico mais sensível e uma capacidade respiratória mais baixa, com isso, ficam suscetíveis a gripes, pneumonia, bronquite, entre outros quadros.

Para reduzir os riscos de contração e proliferação de problemas respiratórios, as mamães podem tomar alguns cuidados importantes. Evite frequentar lugares muito fechados e com aglomeração de pessoas, se o seu pequeno contraiu um resfriado, ou gripe, não o leve a escolinha ou creche até a recuperação total, mantenha a vacinação em dia, deixe os ambientes da sua casa limpos e arejados e coloque no quartinho do pequeno um umidificador de ar, que auxilia no alívio de irritações na pele e mucosas.

inalação-no-bebê-belly-home

É sempre importante lembrar que o aleitamento materno, quando realizado nos primeiros seis meses de vida do bebê, é um dos principais auxiliares na sua saúde e proteção. Através da amamentação são transmitidos anticorpos da mãe para o bebê, aumentando a sua imunidade contra problemas respiratórios e auxiliando no desenvolvimento e fortalecimento dos pulmões contra alergias.

Como saber se o bebê está com frio?

Toda mãe é naturalmente protetora, mas é importante evitar alguns excessos na hora de tomar cuidados com o bebê no inverno. Durante essa estação é natural vestir o pequeno com mais camadas de roupa, mas fique atenta! Se ele ficar irritado ou inquieto pode ser um sinal de incômodo ocasionado pelo aumento da temperatura corporal, que pode ser sentido através do toque na cabecinha ou se ele apresentar sudorese.

Antes de levá-lo ao médico pensando que se trata de uma febre, retire algumas peças de roupa e aguarde uns minutos para medir a temperatura novamente. Para saber se o seu bebê está com frio observe se ele começa a chorar sem motivo aparente, se a barriga, peito ou costas estiverem mais frios, se ele demonstrar apatia ou palidez.

Os bebês não sentem a temperatura de uma forma tão diferente das crianças ou dos adultos, a principal diferença é que os pequenos ainda não tem controle total da manutenção de temperatura dos ambientes, por isso, para saber se um bebê está com frio ou calor leve em consideração a sua percepção do ambiente.  

Para aquecer o seu filhote neste inverno você pode contar também com a linha de roupas para bebê da Belly Home.

Atendimento Belly Home
Enviar via WhatsApp